Pequim: guerra comercial com Washington ‘traria desastre para todo o mundo’

Postado com autorização do site Sputnik News – Termos de uso Aqui

Respondendo às intenções do presidente dos EUA Donald Trump de introduzir novas tarifas sobre a importação de aço e alumínio, o ministro do Comércio da China, Zhong Shan, comprometeu-se a defender os interesses do país em caso de guerra comercial com Washington. O ministro avisou que não haveria “vencedores” em uma guerra comercial entre Pequim e Washington. “Isso traria desastre para os nossos países bem como para todo o



mundo”, declarou ele durante uma coletiva de imprensa em 11 de março. Ao mesmo tempo, Zhong sublinhou que a China está pronta para defender seus interesses nacionais. “A China não deseja lutar em uma guerra comercial, não foi a China que iniciou esta guerra comercial, mas podemos lidar com qualquer desafio e defenderemos resolutamente os interesses do nosso país e do nosso povo”, disse ele. Em 1º de março, Trump anunciou

CONTINUE LENDO

Seja o primeiro a comentar on "Pequim: guerra comercial com Washington ‘traria desastre para todo o mundo’"

Deixe um comentário

Seu e-mail não será mostrado. ** Campos obrigatórios