Menino de 14 anos de idade se arrepende de ter “mudado de sexo”



Reprodução do site Gospel Prime

(por Jarbas Aragão) O australiano Patrick Mitchel tinha apenas 12 anos de idade quando foi diagnosticado que sofria de “disforia de gênero”. Com autorização da família, começou um processo de “mudança de sexo”. Contudo, dois anos após a cirurgia que o transformou em uma “menina”, ele diz estar arrependido e que ainda se sentia membro do sexo masculino. Desde então ele vem fazendo um doloroso processo para voltar ao sexo

com que nasceu, incluindo tratamentos cirúrgicos. “Desde quando ele era mais jovem, vestia roupa feminina”, justifica Alison, a mãe de Patrick. Seu filho começou a tomar hormônios de estrogênio, que lhe ajudou a desenvolver seios e deixou o cabelo crescer. Em entrevista ao programa 60 minutes, Mitchell, que hoje tem 14 anos explica que ser menina não é como ele pensava. Por isso, optou pela “destransição”. Alison admite que o…

CONTINUE LENDO

Veja também:

Ideologia de gênero eleva em 1.000% o número de crianças em tratamento, no Reino Unido

Ideologia de gênero aumenta em 500% os conflitos psicológicos em crianças

Os problemas que a “Ideologia de Gênero” está causando

Seja o primeiro a comentar on "Menino de 14 anos de idade se arrepende de ter “mudado de sexo”"

Deixe um comentário

Seu e-mail não será mostrado. ** Campos obrigatórios