Irã acusa EUA e Arábia Saudita de provocar protestos

The White House CC0

Postado com autorização do site Sputnik News – Termos de uso Aqui

O secretário do Conselho Supremo de Segurança Nacional do Irã, Ali Shamkhani, declarou que as manifestações no Irã fazem parte de uma guerra intermediária travada contra Teerã por alguns países, comunica a agência de notícias Tasnim. Segundo ele, os protestos são provocados pelos EUA, Arábia Saudita e até mesmo pelo Reino Unido, sendo estes países os líderes das campanhas que influenciam as manifestações nas redes sociais.



“Em nossa análise, uns 27% dos novos hashtags contra o Irã foram elaborados pelo governo saudita”, declarou Shamkhani. A interferência vem do exterior e é dirigida contra o progresso iraniano. Os protestos, de acordo com ele, “vão acabar dentro de alguns dias”. As manifestações estão tomando as ruas de grandes cidades iranianas – Teerã, Mashhad, Isfahan e Rasht e outras – desde 28 de dezembro. Presidente iraniano, Hassan Rohani, destacou

CONTINUE LENDO

Seja o primeiro a comentar on "Irã acusa EUA e Arábia Saudita de provocar protestos"

Deixe um comentário

Seu e-mail não será mostrado. ** Campos obrigatórios