‘Invasão de venezuelanos’ alerta sobre racismo e xenofobia no Brasil

Comisión Interamericana CC-BY

Postado com autorização do site Sputnik News – Termos de uso Aqui

O Brasil nunca recebeu tantos pedidos de refúgio quanto em 2017. Foram 33.865 solicitações, um aumento de 228% ante 2016, de acordo com o Comitê Nacional para os Refugiados. Em solo brasileiro, algumas destas pessoas sofrem com o racismo e a xenofobia ao buscarem sua inserção na sociedade. A maior parte do fluxo de refugiados é formado por venezuelanos, com 17.865 solicitações vindas do país de Nicolás Maduro. Eles entram



no Brasil principalmente pela região norte, Roraima registrou 47% dos pedidos de refúgio em 2017, de acordo com dados obtidos pelo G1. “A Venezuela atravessa uma grave crise econômica e social e, portanto, humanitária também. O Brasil, pela sua proximidade, tem sido um dos países procurado pelos venezuelanos. Essas pessoas têm direito, uma vez que estejam em território brasileiro, de solicitar refúgio(…) O problema é que por conta do

CONTINUE LENDO

Seja o primeiro a comentar on "‘Invasão de venezuelanos’ alerta sobre racismo e xenofobia no Brasil"

Deixe um comentário

Seu e-mail não será mostrado. ** Campos obrigatórios