Desertor da Coréia diz que Kim está perdendo apoio das elites locais: “Ele será morto, cedo ou tarde”



Reprodução do site Diário do Brasil

Um desertor da COREIA DO NORTE declarou que o regime de Kim Jong-un chegará ao fim, pois a lealdade das elites está caindo a cada dia […] “e continuará caindo” disse “. As elites estão ansiosas. Há a  possibilidade de que sua lealdade e apoio possam acabar”. O exilado, que trabalhou entre as elites da capital Pyongyang, acredita que a dinastia do líder norte-coreano é “a mais instável” e “será a mais curta” da história do país. Ele decidiu deixar

o país do eremita após a execução de Jang Song Thank, o tio de Kim. O desertor, cuja identidade foi retida para sua segurança, disse à CNN: “Posso dizer com certeza que o regime da Coréia do Norte entrará em colapso […] não imediatamente, mas em questão de anos.” “Kim Jong Un está enganado e acha que tem o poder de controlar seu povo para manter seu regime assassino.” “Há um enorme medo entre funcionários de alto escalão…

CONTINUE LENDO

Seja o primeiro a comentar on "Desertor da Coréia diz que Kim está perdendo apoio das elites locais: “Ele será morto, cedo ou tarde”"

Deixe um comentário

Seu e-mail não será mostrado. ** Campos obrigatórios