Chegou a hora: Rússia deixará de utilizar míssil ‘Satã’

Postado com autorização do site Sputnik News – Termos de uso Aqui

No futuro próximo, o Ministério da Defesa russa deixará de utilizar os mísseis balísticos intercontinentais Voevoda (conhecida nos países ocidentais como “Satã”), que serão substituídos por mísseis moderníssimos, Sarmat, afirmou nesta segunda-feira (12) o vice-ministro da Defesa, Yuri Borisov em entrevista à edição Krasnaya Zvezda. “O exército russo possui em serviço ativo um míssil pesado de combustível líquido […] capaz de transportar



cargas úteis em grandes volumes. Todo mundo ouviu falar sobre este míssil estratégico chamado aqui [Rússia] de Voedova, e Satã, no Ocidente. Foi desenvolvido em meados dos anos 80, e ainda está em serviço, contudo, com o passar do tempo, as tecnologias vêm avançando e nosso sistema ficou obsoleto. Já quase atingiu o limite de seu ciclo vital, e logo passaremos a inutilizar este míssil”, explicou. O sistema de mísseis Voevoda equipado

CONTINUE LENDO

Veja também:

6-ARTIGO – ARMAS DE DESTRUIÇÃO EM MASSA E AS PROFECIAS DO APOCALIPSE

‘Filho de Satã’ já chegou: Rússia realizará testes do míssil balístico Sarmat

Mídia: Rússia tem míssil que pode destruir Grã-Bretanha ou Texas em um ataque devastador

Seja o primeiro a comentar on "Chegou a hora: Rússia deixará de utilizar míssil ‘Satã’"

Deixe um comentário

Seu e-mail não será mostrado. ** Campos obrigatórios